Author Archives: biradmin

, , ,

Fortalecimento da BVS Psicologia Brasil

Reuniao_BVS_PSI

Representantes do Instituto de Psicologia da USP (IPUSP) e do Conselho Federal de Psicologia (CFP) discutem com a BIREME propostas de cooperação para atualização e fortalecimento da BVS Psicologia Brasil (BVS Psi). Dentre as linhas de ação identificadas, destacam-se: Atualização da plataforma tecnológica do Portal da BVS Psi; Fortalecimento da Rede de Bibliotecas da Área de Psicologia; Desenvolvimento do Índice de Pesquisa Brasileiro da Psicologia; e Análise e revisão dos processos de gestão das fontes de informação.

A reunião aconteceu na nova sede da BIREME, no dia 12 de abril, com a participação de Maria Imaculada Sampaio, representante do CFP na BVS Psi, Carla Nascimento, gestora da BVS Psi, Verônica Abdala, gerente da unidade Produção de Fontes de Informação da BIREME/OPAS/OMS, das bibliotecárias Joanita Barros e Juliana Sousa, da unidade de Monitoramento de Instâncias BVS na BIREME/OPAS/OMS e Sueli Suga, supervisora da unidade de Fontes de Informação na BIREME/OPAS/OMS.

Essa proposta marcará uma nova fase da BVS Psi Brasil em busca de seu fortalecimento e sustentabilidade, contando com o apoio fundamental do CFP e da Faculdade de Psicologia da Universidade de São Paulo.

BIREME publica versão 2016 do DeCS

decs2016-220x116

decs2016-220x116Encontra-se disponível, desde 21 de março, a mais recente versão do DeCS (Descritores em Ciências da Saúde), o vocabulário controlado usado para a indexação de documentos de bases de dados da Biblioteca Virtual em Saúde, atualizado anualmente pela BIREME/OPAS/OMS como ação coordenada pela gerência AFI. A versão 2016 conta com 443 novos descritores

O DeCS é o vocabulário controlado usado para a indexação de documentos de bases de dados da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) , incluindo a LILACS, MEDLINE, REPIDISCA, BDENF, BBO, entre outras. O DeCS foi construído a partir do conteúdo e da estrutura do vocabulário MeSH (Medical Subject Headings) da National Library of Medicine (NLM) dos EUA, com o diferencial de se apresentar em 3 idiomas (espanhol, inglês e português) e de ser constituído por outras quatro categorias conceituais próprias, além das 16 categorias do MeSH. Permite, assim, que a mesma terminologia seja utilizada para recuperar informação na área da saúde da região da América Latina e Caribe nos idiomas espanhol, inglês e português.

DeCS 2016

A versão 2016 conta com 443 novos descritores e com um aumento de 2,4% no número médio de sinônimos por idioma. Como destaque, foram incluídos dois descritores advindos das recentes preocupações mundiais quanto ao impacto do vírus Zika na saúde: Zika virus e Infecção pelo Zika virus. Também é digno de nota que o qualificador /uso diagnóstico foi eliminado na versão 2016 do MeSH e do DeCS.

Os novos conceitos foram distribuídos por 19 das 20 categorias do DeCS, já que a categoria Ciência e Saúde foi a única a não receber novos descritores esse ano. Os maiores aportes de descritores se deram nas categorias D-Compostos Químicos e Drogas (26% dos novos), G-Fenômenos e Processos (com 12%), A-Anatomia (com 9%), E-Técnicas e Equipamentos Analíticos, Diagnósticos e Terapêuticos (com 9%) e N-Atenção à Saúde (com 9%). Juntas, essas categorias receberam 65% dos novos descritores de 2016.

Para mais detalhes sobre a estrutura do DeCS 2016 visite a página do DeCS.

novosdecs2016-564x450

Informação sobre a mudança das instalações da BIREME/ Información sobre el cambio de las instalaciones de BIREME/ Information on the change of BIREME’s premises

Informamos que a partir de 31 de março de 2016 o Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (BIREME/OPAS/OMS) estará localizado temporariamente na Rua Vergueiro 1.759, 7º andar, Paraíso, 04101-000, São Paulo, Brasil. As instalações permanentes serão no 9º andar do referido edifício, dentro de três meses.

Os portais coordenados pelo Centro permanecem acessíveis, assim como os e-mails institucionais. Informamos ainda que o número de telefone atual (11) 5576-9800 permanece funcionando.

As atividades da gestão e cooperação técnica da BIREME seguem em andamento conforme previsto no Plano de Trabalho Bianual (PTB) do Centro.

A BIREME completou 49 anos de seu estabelecimento e operação em 3 de março de 2016. O Centro foi fundado em 1967 por meio de um convênio entre a Organização Pan-Americana da Saúde/Organização Mundial da Saúde (OPAS/OMS) e o Governo do Brasil representado pelos Ministérios da Saúde e Educação, Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo e Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). A partir do ano 2015, todavia, a Unifesp decidiu não continuar oferecendo apoio institucional à BIREME o que, consequentemente, motivou a mudança das instalações do Centro.

A BIREME está orientada à cooperação técnica com os países membros da OPAS, e vem, por meio de seus produtos e serviços, democratizando o acesso, publicação e uso de informação científica e evidência em saúde. O progresso da operação de sua vem sendo evidenciado por meio da Biblioteca Virtual em Saúde (BVS) e Redes Associadas, que está presente em 31 países e envolve mais de 2000 instituições. A BVS e completou 18 anos de operação no último dia 27. Com esse escopo, a BIREME assegura aos seus sócios, usuários e amigos que o trabalho continuará e será reforçado para apoiar os países da Região para o melhor e maior uso de evidência para a tomada de decisão em saúde.

Agradecemos a distinta colaboração da Unifesp durante esses 49 anos de existência e convivência no Campus São Paulo desta renomada Universidade.

 

BIREME/OPAS/OMS

—————————————————————————————————————————————————————–

Informamos que a partir de 31 de marzo de 2016 el Centro Latinoamericano y del Caribe de Información en Ciencias de la Salud (BIREME/OPS/OMS) estará ubicado temporalmente en la Rua Vergueiro 1.759, 7° piso, Paraíso, 04101-000, São Paulo, Brasil. Las instalaciones permanentes estarán en el 9° piso de ese mismo edificio, dentro de tres meses.

Los portales coordinados por el Centro siguen siendo accesibles, así como los correos electrónicos institucionales. También se informa que el número de teléfono actual +55 11 5576-9800 sigue en funciones.

Las actividades de gestión y cooperación técnica de BIREME siguen en curso según lo previsto en el Plan de Trabajo Bienal (PTB) del Centro.

BIREME ha completado 49 años de su creación y funcionamiento el 3 de marzo de 2016. El centro fue fundado en 1967 a través un acuerdo entre la Organización Panamericana de la Salud/ Organización Mundial de la Salud (OPS/OMS) y el Gobierno de Brasil representado por los Ministerios de Salud y Educación, la Secretaría de Salud del estado de São Paulo y la Universidad Federal de Sao Paulo (Unifesp). A partir de 2015, sin embargo, la Unifesp decidió no seguir otorgando el apoyo  institucional a BIREME, lo que llevó al cambio de sus instalaciones.

BIREME está orientada a la cooperación técnica con los países miembros de la OPS y fomenta, a través de sus productos y servicios, la democratización del acceso, publicación y uso de la información científica y evidencia en salud. El progreso de la operación de su operación se evidencia a través de la Biblioteca Virtual en Salud (BVS) y sus redes asociadas, que está presente en 31 países e incluye más de 2.000 instituciones. La BVS completó 18 años de operación el 27 de marzo. Con esta mirada, BIREME asegura a sus socios, usuarios y amigos, que el trabajo continuará y se verá reforzado a fin de apoyar a los países de la Región a un mejor y mayor uso de evidencia hacia la toma de decisiones en salud.

Agradecemos la colaboración con la Unifesp durante estos 49 años de existencia y convivencia en el Campus de São Paulo de esta reconocida universidad.

 

BIREME/OPS/OMS

—————————————————————————————————————————————————————–

From March 31, 2016 the Latin American and Caribbean Center on Health Sciences Information (BIREME/PAHO/WHO) will be located temporarily at Rua Vergueiro 1,759, 7th floor, Paraíso, 04101-000, São Paulo, Brazil. Permanent facilities will be on the 9th floor of that building, within about three months.

The portals coordinated by the Center remain accessible, as well as the institutional e-mails. We also inform that the current phone number +55 11 5576-9800 remains operating.

The management and technical cooperation activities of BIREME are in progress, as stated in the Center’s Biennial Work Plan (BWP).

BIREME completed 49 years of establishment and operation on March 3, 2016. The Center was founded in 1967 through an agreement between the Pan American Health Organization/World Health Organization (PAHO / WHO) and the Government of Brazil represented by the Ministries of Health and Education, the São Paulo state Health Secretariat and the Federal University of São Paulo (UNIFESP). From 2015, however, UNIFESP decided to phase out institutional support to BIREME, requiring the change of premises.

BIREME is dedicated to technical cooperation with PAHO member countries and, through its products and services, to democratization of access, publication and use of scientific information and evidence in health. Progress has been achieved through the Virtual Health Library (VHL) and associated networks, which is present in 31 countries and involves over 2,000 institutions. The VHL completed 18 years of operation in March 27. With that scope, BIREME assures its partners, users and friends that work will continue and will be strengthened to support countries in the region toward better and greater use of evidence for decision-making in health.

We appreciate the collaboration of UNIFESP during these 49 years of existence and conviviality in the São Paulo Campus of this renowned university.

 

BIREME/PAHO/WHO

 

Plataforma de Conhecimentos do Programa Mais Médicos é lançada na 12ª Conferência Internacional da Rede Unida

IMG-20160322-WA0005O portal Plataforma de Conhecimentos do Programa Mais Médicos (http://apsredes.org/mais-medicos) foi lançado no dia 22 de março de 2016, em Campo Grande, durante a 12ª Conferência Internacional da Rede Unida e contou com as participações de Dr. Luiz Augusto Fachini, coordenador da Rede de Pesquisas em Atenção Primária da ABRASCO, Raquel Abrantes, consultora da UTMM-OPAS-OMS Brasil e Rosemeire Rocha, bibliotecária da BIREME/OPAS/OMS.

A Plataforma de Conhecimentos do Programa Mais Médicos (PMM) é uma iniciativa conjunta da Rede de IMG-20160322-WA0003Pesquisa em Atenção Primária à Saúde da Abrasco a OPAS-OMS Brasil e o Ministério da Saúde. Constituem uma ferramenta de interação entre pesquisadores, gestores e demais atores do setor da saúde que reúne informações e evidências científicas provenientes das pesquisas sobre o Programa. 

Seu objetivo é compartilhar os conhecimentos acumulados no processo de implementação do programa como parte de uma estratégia para tornar transparente os resultados, fortalecer as ações públicas e facilitar o intercâmbio de experiências. Organizar, socializar e promover a difusão deste investimento intelectual envolvido5, analisar e refletir sobre o mesmo, promover intercâmbio de informação entre os pesquisadores são algumas das atividades que a Plataforma irá possibilitar.

A Plataforma reúne acervos de Pesquisas e de Publicações sobre o PMM. O Acervo de Pesquisa contém informações sobre as principais investigações sobre o tema concluídas e em andamento no Brasil. Já o Acervo de Publicações oferece os resultados de um levantamento contínuo dos trabalhos científicos publicados sobre a forma de artigos, livros e capítulos de livros e 4teses defendidas que referem o Programa.

As bases de dados são construídas por meio da interação com o pesquisador que pode cadastrar o seu projeto de pesquisa, descrever questões metodológicas, compartilhar resultados e desafios na geração do conhecimento. Outra forma de coleta é a busca sistemática aos principais sites acadêmicos e a utilização de motores de busca em repositórios digitais.

Também podem ser sugeridas publicações técnicas e científicas, além de teses e documentos não convencionais sobre o PMM.

Esse trabalho é fruto da cooperação técnica entre a Rede APS da Abrasco, o Ministério da Saúde, a OPAS/OMS Representação do Brasil e a BIREME/OPAS/OMS.

,

Medicina Tradicional y Terapias Complementarias: nueva temática en la BVS

Nicaragua-rose1-220x146

Con el liderazgo de la Representación OPS/OMS Nicaragua motivada por la creación del Instituto de Medicina Natural y Terapias Complementarias (IMNTC), el equipo de BIREME y de la Representación OPS/OMS Nicaragua, discuten y avanzan en el plan de desarrollo de la BVS Regional de Medicina Natural y Terapias Complementarias. Se juntarán en esta iniciativa instituciones e investigadores de otros países de la Región, a ejemplo de Colombia y Perú.  

 Los puntos destacados en la fase inicial del plan:

 

  • Planear la invitación de otras instituciones de la temática para hacer parte de la red en la reunión programada en junio 2016;
  •  Identificar profesionales bibliotecólogos para empezar el trabajo de registro de la producción ya identificada, informar BIREME cuando estuviere listo y solicitar la instalación de las herramientas para la base de datos;
  • Analizar la propuesta arquitectura de la información para la organización de los contenidos;
  •  Elaborar una propuesta de proyecto/plan de trabajo para el desarrollo de la  BVS Regional de Medicina Natural y Terapias Complementarias; y
  • Identificar y hacer gestión de recursos para la creación del portal tan pronto se definan los escenarios con sus implicaciones y costos asociados.

Como los primeros resultados se puede destacar el desarrollo del taller de fortalecimiento de las capacidades en investigación y acceso a la información para la integración de la Medicina Natural, Tradicional y Terapias Complementarias al sistema de salud, que se realizó entre los días 14 a 18 de diciembre de 2015 en Managua, Nicaragua, con el objetivo de aportar al fortalecimiento del Modelo de Salud Familiar y Comunitario (MOSAFC) de este país.

En este Taller se presentó la propuesta para la creación del Portal BVS Medicina Natural para Nicaragua, integrando el acceso a la información para la toma de decisiones a nivel nacional, la investigación y la práctica clínica basada en la evidencia, en el contexto del MOSAFC.

Equipo involucrada en la iniciativa:

  • BIREME: Verônica Abdala, Gerente de Productos y Servicios de Información, Juliana Sousa, bibliotecóloga y arquitecta de información, Rosemeire Rocha, supervisora del Servicio Atención del Usuario
  • Representación OPS/OMS Nicaragua: Maritza Romero Portuondo, Asesora Subregional en Salud familiar y Curso de vida, y Daniel Gallego-Perez, investigador consultor.

Lea la nota completa del taller en: OPS Nicaragua

Nicaragua-rose2-220x146    IMG-20160308-WA0008 IMG-20160308-WA0007

BIREME avança no desenvolvimento da BVS Enfermería

Nesta semana foi dado mais um importante passo para a reestruturação do Portal Regional da BVS Enfermería que será oficialmente relançado no próximo dia 12 de maio como uma atividade comemorativa ao Dia Internacional da Enfermagem, pela OPAS.

A equipe da BIREME representada por Verônica Abdala, Gerente de Produtos e Serviços de Informação, Joanita Barros, Bibliotecária e Marina Pierri, Designer Gráfico, reuniu-se virtualmente com Francisco Lana, Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Escola de Enfermagem da UFMG, com Silvia Cassiani, Assessora Regional de Enfermagem e Técnicos de Saúde da OPAS/OMS e Eliane dos Santos, Assessora de Biblioteca e Redes de Informação também da OPAS/OMS, afim de revisar e definir os conteúdos do novo Portal da BVS Enfermería, já em fase de implementação.

A BVS Enfermería tem como principal objetivo facilitar o acesso e ampliar a visibilidade da produção científica e técnica da área aos enfermeiros dos países da América Latina e Caribe. Estarão disponíveis na BVS artigos, teses e dissertações, revisões sistemáticas, ensaios clínicos, guias de prática clínica entre outros tipos de documentos de relevância aos profissionais da enfermagem. Cada país membro da Rede terá um espaço específico dentro do portal regional da BVS Enfermería para destacar e organizar os conteúdos de maior relevância aos enfermeiros do país.

Para isso, BIREME já programou reuniões com representantes da Rede Enfermería do México e da Colômbia, países que têm destacada produção científica na área. 

BVS amplia acessibilidade para usuários de língua francesa

Com o intuito de possibilitar a recuperaçãinserm-220x66o de literatura científica no Portal Regional da BVS por meio da pesquisa por assuntos em francês, a BIREME incluiu mais essa opção de idioma, como resultado de parceria com o INSERM.

O usuário pode pesquisar, por exemplo, por “Doenças Cardiovasculares” em português. A recuperação mostra um total de 77.018 documentos.

Agora já é possível obter o mesmo resultado de recuperação ao se usar o termo em francês “Maladies du coeur et des vaisseaux”: 77.018 documentos.

O intento foi conquistado graças aos esforços das equipes OFI e TCS na integração dos termos do tesauro MeSH traduzidos para o francês pelo Institut National de la Santé er de la Recherche Médicale (Inserm).

Os termos do MeSH em francês foram transmitidos para a BIREME após comunicações com o Dr. Yannick Pilatte do DISC-Information Scientifique et Technique do Inserm, responsável por esta versão traduzida do MeSH. Após a visita do Prof. Stefan Darmoni, responsável pelo Departamento de Informática Médica do Hospital Universitário de Rouen, França, à BIREME em agosto de 2015, iniciou-se discussão sobre linhas de cooperação técnica em informática médica, as quais inclui a tradução das categorias exclusivas do DeCS ao francês.

O Inserm é parceiro da National Library of Medicine (NLM), responsável pelo MeSH, desde 1969 e traduz o MeSH para usuários francófonos* desde 1986. Tal como é feito no DeCS, o instituto atualiza sua versão a cada ano e apresenta a versão bilíngue do MeSH em seu site. Desde 2004, a atualização tem sido realizada em colaboração com o Institut de l’Information Scientifique et Technique (INIST) do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS).

Com esta ação, a BIREME espera aumentar as possibilidades de acesso de francófonos às publicações em ciências da saúde.

PesquisaSUS – 1º Encontro Científico de Pesquisas Aplicadas às Políticas Públicas em Saúde

SUS

É com enorme satisfação que divulgamos a realização do I PesquisaSUS –  Encontro Científico de Pesquisas Aplicadas às Políticas Públicas em Saúde da Escola Fiocruz de Governo/ FIOCRUZ Brasília. O evento tem por objetivos incentivar o fortalecimento das relações entre pesquisa e políticas públicas e promover o intercâmbio de conhecimento entre pesquisadores, gestores, trabalhadores e estudantes das áreas de saúde. A programação abordará temas relevantes e atuais para o fortalecimento da relação entre o SABER – FAZER em saúde. Para isso, contará com mesas redondas que tratarão de temas estratégicos para o desenvolvimento das políticas públicas em saúde e com a apresentação de trabalhos de profissionais da saúde, gestores, pesquisadores, docentes e estudantes de graduação e pós-graduação das áreas de saúde. O I PesquisaSUS compõe as atividades da I Semana de Publicações e Práticas da  Escola Fiocruz de Governo/ FIOCRUZ Brasília e será realizado de 23 a 25 de novembro de 2015. O endereço é Avenida L3 Norte, s/n, Campus Universitário Darcy Ribeiro, Gleba A, Brasília.

Inscrições:

  • De 28 de outubro a 20 de novembro de 2015.
  • Taxa de Inscrição: doação de produtos de higiene pessoal (sabonete, pasta de dente, escova dental, xampu, condicionador) e de 1 Kg de alimento não perecível (exceto sal). Estes itens deverão ser entregues no dia do credenciamento do evento (23 de novembro). Todos os itens arrecadados serão doados pela FIOCRUZ Brasília a  instituições que prestam assistência à população em situação de rua e crianças que vivem com HIV.

Submissões de Trabalhos:

  • De 28 de outubro a 10 de novembro de 2015.

A Fiocruz Brasília emitirá certificado de participação no Evento PesquisaSUS – I Encontro Científico de Pesquisas Aplicadas às Políticas Públicas em Saúde aos congressistas que tiverem frequência mínima de 75% (setenta e cinco por cento) nas atividades do evento. Esperamos vocês!

Confira no link Apresentações os trabalhos aprovados que serão apresentados. http://fiocruzbrasilia.fiocruz.br/ocs/index.php/pesquisasus/Pesquisasus

Congresso da Região Norte de Saúde Baseada em Evidências

 

 

convite_congresso-psi

O Núcleo de Evidências de Sobral/CE realizará
o Congresso da Região Norte de Saúde Baseada em Evidências (CORENSBE 2015), no período de 18 a 20 de novembro de 2015, no Centro de Ciências da Saúde da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). Verônica Abdala, gerente SCI e a.i. PFI, participará do CORENSBE como conferencista em oficina sobre Bases de dados: O que buscar? Onde encontrar?

O Congresso tem como público alvo profissionais, gestores, sociedade civil, estudantes e pesquisadores da Região Norte do estado do Ceará e tem como objetivos:
  • Promover a divulgação das práticas em saúde baseadas em evidências para profissionais, pesquisadores, gestores e estudantes;
  • Difundir as melhores evidências científicas para o planejamento de políticas de saúde;
  • Divulgar a importância do Núcleo de Evidencias de Sobral no suporte e apoio à Gestão em Saúde;
  • Socializar a produção científica regional como suporte à implementação das políticas em saúde;
  • Reunir Instituições de Ensino Superior Públicas e Privadas existentes na região para discutir práticas baseadas em evidências.

Confira a programação aqui